É tudo culpa ou dolo do FHC?

              A PARTIR do momento em que o senhor Pedro Barusco, um dos delatores ouvidos na chamada operação Lava Jato, disse que as propinas na Petrobras começaram a ser pagas em 1997, ainda durante o governo de Fernando Henrique Cardoso, alguns petistas e setores da atual administração federal passaram a defender a ideia de que a gestão do tucano também deveria ser incluída nas investigações.

          Em resposta, os tucanos saíram dizendo que a roubalheira na Petrobras é obra exclusiva do PT e seus aliados ou comparsas. Dessa forma, não haveria por que atirar qualquer responsabilidade sobre os ombros do adversário, isto é, não haveria por que envolver o ex-presidente da república nas investigações sobre a corrupção que hoje atinge a petroleira nacional.

           O próprio Fernando Henrique Cardoso, seus fiéis escudeiros e todo o tucanato saíram dizendo que o PT e os petistas defendiam uma investigação mais ampla apenas como tática, apenas como estratégia para escapar à própria responsabilidade no caso da petroleira – e essa estratégia seria simplesmente atribuir ou dividir a culpa com o ex-presidente tucano.

             Com isso, os tucanos criaram o bordão: TUDO É CULPA DO FHC, ironizando a tática petista. Essa frase virou um slogan (chamado de “meme” no jargão da internet) e se multiplicou pelas redes sociais nos últimos dias, como “fogo no palheiro”. Até nas conversas informais, quando alguém quer descobrir ou apontar o culpado por algum malfeito qualquer, é comum ouvir-se: “A culpa é do FHC”.

               Por meio dessa frase irônica, os tucanos de fato desmoralizaram a “tática do PT”. E nisso contaram com a ajuda habitual da grande mídia burguesa, que não viu nenhum problema em deixar o governo de Fernando Henrique Cardoso fora das investigações policiais e da CPI da Petrobras, pois o que interessa mesmo é pegar apenas e tão somente os petistas ou “petralhas” – como se diz por aí com ódio indisfarçável.

            Pois bem, a definição sobre os limites das investigações, nesse caso, fica a cargo, obviamente, da Polícia Federal, do Ministério Público, do STF e dos congressistas na CPI. Mas, há muitos fatos estranhos que, no mínimo, deveriam interessar àqueles que desejam realmente apurar, com isenção, TODAS (todas, hem!) as responsabilidades pela roubalheira na Petrobras.

                 Observemos alguns fatos: o delator Pedro Barusco afirmou à Polícia Federal que o esquema de propinas começou em 1997, quando uma empresa da Holanda (SBM Offshore) pagou 22 milhões de dólares para fechar contratos com a petroleira nacional; no ano seguinte, o ex-presidente FHC baixou o Decreto nº 2.745/98 “simplificando” o procedimento das licitações na Petrobras; a partir daí os contratos começaram a ser fechados através de simples “carta-convite”, sem concorrência pública, facilitando as tratativas diretas entre executivos da petrolífera e executivos das empreiteiras e fornecedores – a porta para o cartel estava escancarada.

             Nessa mesma ocasião, por coincidência no ano de 1997, a própria mídia burguesa noticiou sem meias-palavras que o ex-presidente tucano havia sido “presenteado” com a emenda da reeleição comprando votos no Congresso Nacional; e no mesmo ano ainda comprou mais votos para abafar a CPI da reeleição; e tudo isso com dinheiro que não se sabe de onde veio nem de onde saiu – terá saído da Petrobras?, por que não?

             Convenhamos, há muitas “coincidências” de datas e fatos nessa história toda! Aliás, coincidências que mereciam bem uma investigação mais detalhada. Assim, é possível até que aquele slogan dos tucanos esteja ingenuamente enganado. Ou seja, parece que não é mesmo “TUDO CULPA DO FHC”: tem coisa nessa imensa confusão da Petrobras que está muito mais para comportamento DOLOSO do que para conduta meramente CULPOSA; quer dizer, há coisas nisso tudo que têm muito mais cheiro de dolo que de culpa do intocável FHC.

__________

http://www.avessoedireito.com

Esse post foi publicado em Avesso e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s